Sem reservas

Eu tinha um vicio. Que me fazia mal e me fazia tão bem! Me tranquei só nele meu mundo era dele, ele era meu amor. Quando descobri que poderia viver sem, que ele nem sempre ajuda, resolvi me reabilitar! E é isso que passo hoje: reabilitação, essa palavra mesmo.
Tinha um grande espaço reservado a ele e não via as coisas que perdia!
Das coisas que deixei passar, não, não me arrependo. Mas na minha reabilitação não terei mais vícios, deixarei que ele se transforme em algo saudável, moderado! Para que não tenha um espaço reservado, não o prenderei assim, dessa forma poderá transitar por todas as partes de meu coração sem nenhum tipo de preocupação. De todos os vícios que tive um dia, nas minhas reabilitações, descobri que no fim das contas o amor não acaba, que a evolução dele pode ser o desabrochar de uma bela e sincera amizade.
Pode ser bem difícil, mas um dia eu espero que ele transite por todos os lados do meu coração e é isso que eu espero depois de nossa reabilitação.

Oi! Meu nome é Tálita, mas meu apelido é Gordinha!
Hahahahah! É eu sei, gordinha é só a alma mesmo! =]
Mas vc nem parece o Lineu! =)

Related Posts with Thumbnails

@gordinha

Tá na bolsa!

Sigam-me os bons!

GTM