Aprofanada

Tempo que consome Mundo que some
Da soma da vida
Subtração
vira

Fica então uma dívida
Da que se vai perdida
Tão querida 

Esquecida
Escrita

Aprofanada, roubada, calada
Parada.

3 leram:

Moni. 19 de maio de 2010 12:46  

Depois de um cálculo que me pareceu apontar para o prejuízo, vejo que ganhei, vindo aqui te ler...

Que o tempo não nos cale.
E se, por fim nos calar,
Não nos roube a memória.
Mais cedo ou mais tarde a palavra há de gritar!

Beijos, querida!

Barbara C 19 de maio de 2010 21:40  

Tempo consome e mto nos deixa bem endividado a falta dele;


bjs

Nathi Delacroix 20 de maio de 2010 12:45  

Liiiindo demais, flor!

Beijos!

Related Posts with Thumbnails

@gordinha

Tá na bolsa!

Sigam-me os bons!

GTM